Disciplina - Língua Estrangeira Moderna

My name is Khan - Linguagem formal

O filme "My Name is Khan" conta a história de Rizvan Khan, um indiano portador da síndrome de Asperger's, um tipo de autismo. Depois que se muda para os Estados Unidos, Khan se apaixona por Mandira, uma cabeleireira separada que vive com o filho Sameer (Sam). Khan é maometano e Mandira, hindu, mas suas diferenças religiosas não impedem que se casem. Os problemas começam com o 11 de Setembro, quando passam a ser atacados por sua origem étnica e devido a generalizações preconceituosas. Depois de sofrer bullying por parte de colegas, Sam é morto em uma briga, e Mandira, revoltada, culpa o marido, e lhe diz que ele só poderia voltar depois que dissesse ao presidente da república que ele não é um terrorista, e que o filho dela também não era. Rizvan interpreta isso literalmente, e empreende uma peregrinação para ter sua esposa de volta.



Neste trecho, o presidente eleito Barack Obama visita Atlanta para dar assistência às vítimas do furacão que abateu o estado da Georgia. Uma vez que Rizvan se tornou famoso por liderar a ajuda humanitária na região, resolve mais uma vez encontrar-se com o presidente, e este o recebe. Finalmente, Khan consegue transmitir sua mensagem. Destaca-se a linguagem utilizada pelo ator Christopher B. Duncan, que interpreta o presidente Obama, marcada pela formalidade e pelas mensagens ideológicas.



My Name is Khan, Drama, Índia, 2010, 165min.; COR. Direção: Karan Johar.



Palavras-chave: política, segurança, governo, representação, entonação.

  • 5737
  • 11
Fechar

Campos com (*) são obrigatórios.

fechar

Copie o código abaixo e insira em sua página:


Ou compartilhe através dos sites:

Fechar

Mais Informações