Disciplina - Língua Estrangeira Moderna

Guerre des Boutons - Grammaire

“A Guerra dos botões” é a quarta adaptação para o cinema do livro homônimo de Louis Bergaud. Aborda o dia a dia das crianças de dois vilarejos rivais (Longeverne e Velran), no interior da França, cujos maiores desafios são a vida escolar, a autoridade dos adultos e o objetivo de vencer os “inimigos” (retirando destes todos os botões das roupas). O líder dos meninos Longeverne, William Lebrac, tem sobre si a responsabilidade de ajudar a mãe no sustento da casa, depois que o pai faleceu. Ele se sente revoltado, mas seu ímpeto é enternecido pela paixão por Lanterna, que quer a todo custo fazer parte do bando de garotos.



Nesta cena, Lebrac e os outros meninos têm uma aula de Língua Francesa (figuras de linguagem) com o Sr. Merlin, único professor do vilarejo. Enquanto isso, os meninos passam entre si um aviso de “conseil de guerre”. Pode-se observar que os meninos confundem a pronúncia final da palavra “conseil”, utilizando então a semivogal y. Ao questionar Lebrac sobre a diferença entre metáfora e oximoro, este tenta fazer graça explorando, para isso, a sonoridade das raízes das palavras. Tal recurso pode ser utilizado pelo professor e pelos alunos para, num primeiro momento, brincar com as palavras e, a seu tempo, estudar os sentidos das palavras e o perigo dos falsos cognatos.



La guerre des boutons, comédia, França, 2011, 105min.; COR. Direção: Yann Samuell.



Palavras-chave: semântica, ortografia, fonologia, homofonia, sinônimos.

  • 11327
  • 1337
Fechar

Campos com (*) são obrigatórios.

fechar

Copie o código abaixo e insira em sua página:


Ou compartilhe através dos sites:

Fechar

Mais Informações